Dhruva Maharaja: A História de uma Criança Determinada

Uma das histórias mais tocantes e instrutivas da Índia antiga, ilustrada por belíssimas pinturas de artistas ocidentais. Emocione-se com a jornada do garotinho de cinco anos que deixa um lar de desafetos em busca de Deus.

Dhruva Maharaja

Certa vez, o rei Uttanapada acariciava Uttama, o filho de Suruchi, tendo-o sentado em seu colo. Embora Dhruva Maharaja também tentasse subir ao colo do rei, este não o acolheu muito bem. Enquanto o menino, Dhruva Maharaja, procurava subir ao colo de seu pai, Suruchi, sua madrasta, ficou com muita inveja da criança e, cheia de orgulho, colocou-se a falar de modo a ser ouvida pelo próprio rei.

A rainha Suruchi disse a Dhruva Maharaja: “Meu caro menino, tu não mereces sentar-te no trono ou no colo do rei. Certamente também és filho do rei, mas, por não teres nascido de meu ventre, não estás qualificado para sentar-te no colo de teu pai. Meu caro menino, não estás ciente de que não nasceste de meu ventre, porém de outra mulher. Portanto, deves saber que tua tentativa está condenada ao fracasso. Estás tentando satisfazer um desejo que é impossível de ser realizado. Se desejas realmente elevar-te ao trono do rei, terás de submeter-te a rigorosas austeridades. Antes de mais nada, deverás satisfazer a Suprema Personalidade de Deus, Narayana, e depois, quando fores favorecido por Ele devido a tal adoração, terás de nascer da próxima vez do meu ventre”.

Assim como uma serpente, quando golpeada por uma vara, respira muito pesada­mente, Dhruva Maharaja, tendo sido golpeado pelas ásperas pala­vras de sua madrasta, começou a respirar muito pesadamente devido à grande ira. Ao ver que seu pai mantinha-se calado e não protestava, ele imediatamente deixou o palácio e foi ter com sua mãe.

Continuar lendo

Fonte:
https://voltaaosupremo.com

Anúncios

A Forma Humana de Vida

48367800_560608427700743_2282802670039203840_o

A forma humana de vida é uma oportunidade para compreendermos nossa posição.

Portanto, a pessoa mais inteligente adota o serviço devocional para ocupar sua mente, sentidos e corpo no serviço ao Senhor, sem desvios. (…)

Sridhara Svami compôs um belo verso este respeito:

“Meu querido Senhor, é muito difícil estar sempre pensando vem Vossos pés de lótus. Isto é possível para grandes devotos que tenham atingido amor por Vós e estejam ocupados em transcendental serviço amoroso. Meu querido Senhor, eu desejo que minha mente também se ocupe de alguma maneira em Vossos pés de lótus, pelo menos por algum tempo.”

A consecução de perfeição espiritual por parte de diferentes espiritualistas é referida no Bhagavad-gita, onde o Senhor diz que confere a perfeição desejada pelo devoto em proporção com a rendição do devoto a Ele.

(do Livro de Krsna, de Sua Divina Graça A.C. Bhaktivedanta Swami Prabhupada, Capítulo 86, Página 632)

Publicado por:
Premavatī Devi Dasi (Facebook)
09 de dezembro de 2018

Samosa Indiana

samosa_indiana

INGREDIENTES

MASSA:

3 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 xícara (chá) de farinha integral
1 pitada de sal
3/4 de xícara (chá) de manteiga derretida

RECHEIO:

1/2 colher (chá) de mostarda em grão
1 colher (sopa) de azeite
1 unidade pequena de gengibre ralado
1 colher (chá) de açafrão-da-terra (cúrcuma)
2 colheres (chá) de cominho moído
1 pacotinho de ervilha e milho previamente cozido frio.
2 cenouras cozidas e cortada em cubinhos
1 couve flor japonesa cozida e destrinchada em pedacinhos
5 batatas cozidas, sem casca e cortadas em cubinhos
Salsa picada
Sal a gosto

Modo de preparo

Veja mais receitas veganas e vegetarianas

Krishna por Srila Prabhupada

Shri Krishna Janmashtami

Krishna explicou pessoalmente no Bhagavad-gita que Ele é a Suprema Personalidade de Deus. Sempre que há discrepâncias nos princípios reguladores da vida religiosa das pessoas e uma proeminência de atividades irreligiosas, Ele aparece neste planeta Terra. Em outras palavras, quando o Senhor Sri Krishna apareceu, havia uma necessidade de diminuir a carga de atividades pecaminosas acumuladas neste planeta, ou neste universo. O Senhor Maha-Vishnu, a porção plenária de Krishna, é o encarregado dos incidentes da criação material.

http://bhaktipedia-portugues.blogspot.com

Prabhupada

Srila Prabhupada entre os devotos de Krishna

Archavatara – The Story of Madhavendra Puri

Archavatara - The story of Madhavendra puri

The Supreme Personality of Godhead, Sri Krishna manifest in two forms in this material world – His Deity form and His Holy name.

The Deity form of the Lord, called archavatara, is non-different from His eternal form. Out of His causeless mercy, the Lord appears in His arcavatara form so that we can see Him and worship Him.

This is an opportunity for us to engage all our senses in service of the Lord. To give us this opportunity, the acharyas of bona fide Vaishnava Sampradayas established many temples and installed the archa-murtis of the Lord.

The devotees appreciate the presence of the Lord in His archa-vigraha form. They offer various services to Him according to the rules and regulations mentioned in the scriptures.

ISKCON World (Youtube)
Published on 17 Aug 2015

Em que vocês acreditam?

Perguntas Frequentes

sunrise-1670979_640

A filosofia Védica da consciência de Krishna é vasta. Mas aqui vai um brevíssimo resumo da nossa filosofia: A primeira coisa que devemos entender é que não somos nosso corpo, somos seres espirituais eternos. Esse é o primeiro passo. Portanto nosso dever não é simplesmente correr atrás da satisfação dos nossos sentidos, como cachorros, gatos e porcos, pois isso tudo é passageiro e inútil. Devemos nos dedicar aquilo que é eterno, ou seja, aquilo que é espiritual. Portanto o segundo passo é aprender a distinguir o espiritual do material. Deus, Krishna, é absoluto. Portanto tudo diretamente ligado a Ele é não diferente dEle. Por exemplo, Seus santos nomes são idênticos a Ele – não há diferença. No mundo material é diferente. O nome “manga” é diferente da fruta manga. Mas com Krishna é diferente. Tudo diretamente ligado a Ele é espiritual, não diferente Dele. Assim, Seu nome, Seu serviço, Seu templo, Suas instruções, Seus livros, Seus devotos puros, Sua comida – tudo é 100% espiritual. O sucesso da vida, então, está em cada vez mais moldar sua vida de forma que tudo você pensa, tudo que fala, tudo que faz é espiritual, é ligado a Deus, a Krishna. Chamamos isso de consciência de Krishna. Na medida que espiritualizamos nossas vidas, chegamos cada vez mais próximos do padrão de felicidade perfeita que podemos experimentar na plataforma espiritual original. É algo concreto que podemos experimentar em nosso dia a dia – não é uma questão de esperar os resultados para a próxima vida. Como Krishna é a fonte de tudo que existe, inclusive nós mesmos, agir de qualquer outra forma é tolice, fruto de nossa ignorância, ilusão. Por exemplo, digamos que você acorda um dia achando que é uma princesa de um conto de fadas e tudo que faz é com base nisso. Você nem sabe em que país está, quem é seu pai, o que tem que fazer – todos vão concordar que você está louco, não é mesmo? O resultado será que todas suas ações e palavras serão equivocadas, inúteis, pois você não é quem pensa que é. Da mesma forma ao não saber que somos uma alma eterna, parte e parcela de Deus, de Krishna, e que tudo a Ele pertence, não será possível agirmos da forma correta e tirar proveito de nossa vida.

Fonte:
Templo Hare Krishna Curitiba
https://www.harekrishnacuritiba.com

A Fruit Vendor

fruit_vendor
One day, a fruit vendor came before the house of Nanda Maharaja. Upon hearing the vendor call, “If anyone wants fruits please come and take them from me!” child Krishna immediately took some grains in His palm and went to get fruits in exchange. In those days exchange was by barter; therefore Krishna might have seen His parents exchange fruits and other things by bartering grains, and so He imitated. But His palms were very small, and He was not very careful to hold them tight, so He was dropping the grains. The vendor who came to sell fruits saw this and was very much captivated by the beauty of the Lord, so he immediately accepted whatever few grains were left in His palm and filled His hands with fruits. In the meantime, the vendor saw that his whole basket of fruit had become filled with jewels. The Lord is the bestower of all benediction. If someone gives something to the Lord, he is not the loser; he is the gainer by a million times.

Read more
http://www.krishnalilas.com

See more lilas